Projetos especiais

Sobre o sono

Objetivo: Avaliar o comportamento do cidadão paulistano com relação aos seus hábitos de sono. Mensurar a qualidade do sono do paulistano, e qual o impacto no seu dia-a-dia.

A pesquisa foi realizada na cidade de São Paulo/SP no dia 01 de outubro de 2011. Foram entrevistados 404 moradores de São Paulo com 16 anos ou mais, abordados em grandes centros nas cinco regiões da cidade.

Resumo

  • Aproximadamente 2/3 da população dorme menos de sete horas por noite.
  • Estas pessoas raramente ou nunca, dormem o que acreditam ser suficiente
  • O principal motivo para pouco tempo de sono é a falta de tempo
  • O ideal seria dormir entre 7 e 9 horas
  • Uma noite bem dormida daria mais disposição para o paulistano
  • Os moradores da Zona Leste têm o sono mais prejudicados
  • As pessoas mais velhas dormem menos horas na média, porém acreditam ser o suficiente
Voltar

Últimas notícias

Metodologias

Trabalhamos com todas as metodologias disponíveis para a coleta de informações, e certamente uma delas é a adequada para a sua necessidade.